Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Um supremacista menor

Um supremacista menor Ronald Augusto[1]

No tocante aos casos explícitos e documentados de agressão racial contra negros, já virou rotina acontecer o seguinte (anotem e depois me cobrem): horas depois desses episódios protagonizados, de ordinário, por brancos, surge uma onda de empatia branca em defesa do eventual agressor. Recentemente foi este, por exemplo, o tom de diversas manifestações após os xingamentos racistas da torcedora gremista, branca, direcionados ao goleiro Aranha e que, felizmente, as câmeras registraram. Pois agora, o mesmo começou a ocorrer tão logo se tornou público o vazamento de um vídeo em que o âncora William Waack é capturado expressando juízo racista sobre um indivíduo, supostamente negro, a um interlocutor que, ao que parece, concorda sorrindo com a opinião do jornalista, como se vê nas imagens. Iguais de Waack, isto é, brancos ou companheiros de profissão, tanto de esquerda como de direita, já se referem ao fato ou à coisa toda como um deslize, um comentário …

Últimas postagens

Dois modos de escravidão: a do essencialismo e a do fisiologismo

os mortos na sala de jantar

Vagar em Macau com vagar

A crítica na internet

O racismo e o taco de beisebol

tolerância enquanto fachada (III)

sem transigir com o tolerável e o fácil